27/01/2022

De que é feito um e-liquid / juice pronto para vape?

Antes de tudo vamos esclarecer uma coisa: e-Liquid, eliquid, e-líquido, Juice, e-Juice são os termos utilizados para falar da mesma coisa. Aqui no Brasil o nome mais utilizado é juice. blza?

Os juices geralmente possuem 3 ingredientes: a base, que contém 2 dos principais componentes dos e-liquids (propilenoglicol e glicerina vegetal), aromas alimentares dedicados à inalação e nicotina (ou não).
A nicotina em seu e-juice é essencial para uma transição bem-sucedida. Também podemos encontrar alguns aditivos como intensificadores de sabor, adoçantes e químicos para criar a sensação de gelado.

O propilenoglicol, também conhecido como PG, é um componente chave de um juice. Sua taxa pode mudar de um e-liquid para outro.
O principal papel do PG é potencializar os aromas e realçá-los para um resultado saboroso, e também gerar o “HIT” na garganta, importante para imitar a sensação de um cigarro.
Fluido e não viscoso, costuma trazer uma leve doçura. O PG não apresenta toxicidade quando inalado ou ingerido.
Cuidado: quanto mais PG um e-líquido tiver, mais “hit” você sentirá na garganta e mais fluido será seu juice. É importante usar o atomizador certo para evitar qualquer vazamento (fluxo de ar apertado e valor de ohm > 1 ohm se PG > 50%).
Você sabia?
PG tem propriedades anti-sépticas, antifúngicas e antibacterianas. É comum vê-lo em bens de consumo e muitas vezes engolimos alguns no nosso dia-a-dia (pasta de dentes, aditivo alimentar para conservação, etc.).

A glicerina vegetal, também conhecida como VG, é a segunda grande característica que compõe a base de um e-líquido.
Com PG, VG cria um equilíbrio graças à sua viscosidade que ajuda na produção de vapor. No entanto, é muito mais suave em sua garganta e não entregará o golpe na garganta por si só. VG é incolor, inodoro e levemente doce. Ao contrário do PG, o VG é grosso. Por isso não é recomendável utilizar uma composição de VG maior que 60% em pod system. A coilhead não aguenta taxas elevadas desse ingrediente devido a alta densidade.
Você sabia?
Assim como o PG, podemos encontrar VG em nossos bens de consumo: em conservantes alimentícios, em produtos farmacêuticos e etc.

Os aromas são importantes para dar a um e-líquido o sabor esperado. Sem aromas, seu e-líquido será “vaporável”, mas sem sabor. Portanto, o papel deles é crucial nas sensações que o e-líquido lhe dará.

Eles podem representar até 20% da composição de um e-líquido. Tudo depende da concentração do aroma utilizado vs a recomendação do fabricante.

Na maioria dos casos, os aromas são materiais de qualidade alimentar, especialmente analisados e feitos para inalação.

Podem ser artificiais ou naturais. Em ambos os casos, o risco para a saúde é o mesmo, próximo de 0%.

Nicotina

Aqui na forma de um líquido, é a substância viciante de um cigarro de tabaco.

A nicotina lhe dará a sensação saciedade (dependentes) e de golpe na garganta, além da PG. A nicotina está disponível em várias taxas, para atender a cada tipo de ex-fumante (cada um tem seu próprio padrão de vício). Exemplo: O padrão no aparelho de vape é de 3mg de nicotina freebase. Já no Pod System é de 35mg de nicotina Nicsalt. Temos um post diferenciando-as.

Cuidado! Não é porque você começa com uma alta taxa de nicotina que você não conseguirá se desmamar. Tome seu tempo e diminua lentamente sua taxa de nicotina, e você chegará lá facilmente!

O Vape irá ajudá-lo a se livrar de substâncias que são tóxicas para o seu corpo, no cigarro tinha mais de 4.700 delas. No vape, a nicotina é a única substância perigosa e viciante conhecida, porém muito importante para que a pessoa possa fazer uma transição bem-sucedida. Não existem mortes comprovadas no vape quando sua utilização é destinada para substituir o cigarro tradicional de tabaco.

Finalizando esse post informativo sobre juice pronto para vape, a tabela abaixo vai ajudá-lo a entender a diferença entre juices 80/20, 70/30, 60/40, 50/50 entre outras porcentagens de bases VG/PG existentes no mercado.

Perguntas e respostas:

  • Um juice VG/PG com a composição 80/20 seria ideal para um pod system? Não! A porcentagem de VG é extremamente dominante e provavelmente queimará / danificará a coilhead minúscula encontrada nesses aparelhos. Quanto mais VG o juice tiver, mais apropriado para a grande geração de vapor. Ideal para vape, pois a tragada é DL (igual do narguilé). O VG é um liquido grosso (alta viscosidade), a coilhead precisa dar conta do recado.

  • Um juice VG/PG com a composição 50/50 seria ideal para um pod system? Sim! Existe um equilíbrio entre VG e PG, totalmente apropriado para esses aparelhos que o estilo de tragada é MTL (igual do cigarro).

  • Posso usar um juice com nicotina nicsalt de 35mg em aparelho de vape com grande poder de produção de vapor? Não! Aparelhos de vape para a tragada DL (igual do narguilé) não pode usar nicsalt com alta dosagem. O certo é escolher juices com a nicotina freebase, normalmente encontrada com 0mg (sem nicotina), 3mg ou até mesmo 6mg.

  • Pode usar juice freebase em pod system? Sim! A única preocupação aqui é a porcentagem da base. A viscosidade entre VG/PG deve ser um equilíbrio para não danificar a coilhead. Normalmente encontrado em juices 50/50 ou 60/40. Juices freebase da marca Saci Vape em 9mg ou 12mg possuem esse equilíbrio necessário.

Lembrando que o tema vape não existe essa coisa de totalmente certo ou errado. Existem muitas variantes e o correto seria o aprofundamento individual do conhecimento. As informações aqui apresentadas possuem uma base de exemplos sólidos para criar uma direção ao conhecimento.

Um abraço e até a próxima.

https://www.instagram.com/sacivape/

https://www.sacivape.com/

https://linktr.ee/sacivape